ENGENHARIA AMBIENTAL E SANITÁRIA

Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas

O CURSO

A Engenharia Ambiental e Sanitária é um ramo da Engenharia que segue a linha do desenvolvimento econômico sustentável, respeitando os limites de exploração dos recursos naturais e também trabalhando com o projeto, a construção, a ampliação e a operação de sistemas de água e esgoto. Trabalhar com Engenharia Ambiental e Sanitária é desenvolver e aplicar as mais diferentes tecnologias para proteger o ambiente dos danos causados pelas atividades humanas. Entre as principais funções do profissional desta área está preservar a qualidade da água, do ar e do solo. Para isso, o engenheiro planeja, coordena e administra redes de distribuição de água e estações de tratamento de esgoto e supervisiona a coleta e o descarte do lixo, avaliando também o impacto de grandes obras sobre o meio ambiente, para prevenir a poluição de mananciais, rios e represas. Esse profissional também é responsável pela prevenção contra a poluição causada por indústrias. Trabalha em agências de meio ambiente e em polos industriais, controla, previne e trata a poluição atmosférica. Pode, ainda, monitorar o ambiente marinho e costeiro, atuando na prevenção e no controle de erosões em praias. Ainda em sua atividade elabora e executa planos, programas e projetos de gerenciamento de recursos naturais, saneamento básico, mitigação e recuperação de áreas impactadas, podendo também se ocupar do estudo de várias fontes de energia e da avaliação do potencial energético de uma região. Avalia e analisa os impactos ambientais de empreendimentos nos ecossistemas naturais e propõe ações de preservação, conservação e recuperação do meio ambiente. Coordena e supervisiona equipes de trabalho, realiza pesquisa científica e tecnológica e estudos de viabilidade técnico-econômica; executa e fiscaliza obras e serviços técnicos; e efetua vistorias, perícias e avaliações, emitindo laudos e pareceres.

MERCADO DE TRABALHO

As áreas que mais oferecem oportunidades são as de saneamento, gestão e manejo das águas, gestão e manejo ambiental, saúde pública e projetos ambientais diversos, bem como licenciamentos ambientais. As oportunidades são maiores no Sul e no Sudeste, em áreas de concentração industrial ou agrícola. Com a necessidade de implantação de saneamento básico em todas as cidades do Brasil, o Engenheiro Ambiental Sanitarista é parte indispensável nesse processo. A Lei Nacional dos Resíduos Sólidos vem demandando grande quantidade de profissionais para trabalhar tanto na elaboração quanto na execução de projetos de gerenciamento de resíduos. Esse profissional ainda pode trabalhar em órgãos governamentais, nos níveis federal, estadual e municipal, em diversas áreas relacionadas ao seu conhecimento

Titulação: Após a conclusão do curso, confere-se ao acadêmico o título de Bacharel em Engenharia Sanitária e Ambiental.

Vagas: 50 vagas semestrais

Duração do Curso: 5 anos (10 semestres)

Turno de oferta: Noturno

COORDENAÇÃO

Saulo Jorge Teo – Doutor
saulo.teo@unoesc.edu.br

DOCENTES

  • Cleber Coradi (Especialista)
  • Cristina Gouvea Redin (Doutora)
  • Danny Elson Kufner (Mestre)
  • Debora Simon (Especialista)
  • Edina Cristina Rodrigues Ruaro (Mestre)
  • Elisangela Bini Dorigon (Mestre)
  • Erickson Rodrigues do Espírito Santo (Mestre)
  • Felipe Rodrigues Martins (Especialista)
  • Idiane Manica Radaelli (Mestre)
  • Jessica Tombini (Mestre)
  • Manuela Gazzoni dos Passos (Doutora)
  • Marciano Forest (Mestre)
  • Mariane Carolina de Almeida (Especialista)
  • Saulo Jorge Teo (Doutor)
  • Silvia Mara Zanela Almeida (Mestre)
  • Zelci Maria Lorenzon (Especialista)